26/08/2016

Novidade Clube do Autor nas livrarias



Inseparável
Autora: Kate Hamer
Páginas: 392

Sinopse

Carmel é uma menina que está desaparecida. Mas não sabe que está perdida.

Depois do divórcio, Beth vive um medo constante. Acima de tudo, receia que a filha de oito anos, Carmel, com tendência para se furtar à vigilância maternal, possa desaparecer. Um dia, com efeito, o seu pior receio concretiza-se. Um sábado, numa manhã de nevoeiro, Beth leva a filha a um festival infantil ao ar livre, separam-se por breves instantes e Carmel nunca mais torna a ser vista. Vestindo o casaco vermelho de que tanto gosta e que a transforma ao mesmo tempo numa mancha reconhecível e num alvo fácil de identificar, Carmel acaba por cair nas mãos de um homem que lhe diz ser o avô há muito desaparecido. Não tendo outro remédio senão ficar entregue à sua nova família, a menina apercebe-se, à medida que os dias se transformam em semanas e meses, de que o avô possui um dom muito especial... Destroçada, Beth empreende uma busca desesperada e solitária, nunca perdendo a fé no reencontro. Carmel, por seu turno, empreende também uma estranha e angustiante viagem, que a obriga a recorrer a todo o engenho que a caracteriza desde pequena, a fim de manter sempre na sua mente (e na memória) a imagem da mãe.

Alternando entre a história de Beth e o relato de Carmel, numa prosa apaixonante e que nos deixa em suspenso até ao fim, Inseparável é um romance inesquecível.

O que diz a imprensa estrangeira:

«O romance de Kate Hamer pode ser a narrativa mais original desde que Ian McEwan escreveu A Criança no Tempo... Este livro único e cativante possui uma qualidade quase surreal e característica dos contos de fada.» Sunday Express

«Este romance integra uma série de primeiras obras de grande qualidade.» Observer

«Uma estreia espetacular... As trajetórias das duas figuras centrais – através do desespero, da esperança e da redenção – revelam-se credíveis e possuem vários matizes, dando origem a uma leitura moralmente complexa e inesquecível.» Publishers Weekly

«Este primeiro romance tem a impetuosidade de um thriller intenso.» People

«Um romance que mantém o leitor completamente preso à leitura... e acordado.» Financial Times

«Veementemente recomendado, este romance gira em torna da história do desaparecimento de uma menina de oito anos e das tentativas feitas pela mãe para a encontrar.» The Guardian

«Uma narrativa comovente, revelando-se não só um exame da perda e ansiedade como um estudo sobre as dores e alegrias da maternidade.» Huffington Post

«Ler este romance funciona como uma espécie de teste para ver até que ponto os leitores são rápidos a passar as páginas.» Library Journal

«Os dolorosos pormenores no que toca à perda e à solidão de uma mãe e uma filha separadas pelo destino... Um ritmo alucinante... Kate Hamer consegue ao mesmo tempo descrever a dor e, fazendo das tripas coração, retratar a perda... Uma prosa requintada que evolui em torno da separação entre mãe e filha.» Kirkus Reviews

Sobre a autora:
Kate Hamer nasceu em Inglaterra e cresceu no País de Gales. Trabalhou dez anos na rádio e na televisão, a fazer documentários. Em 2011, a sua história “One Summer” conquistou o prémio Rhys Davies para melhor conto. Inseparável, o romance de estreia, fez parte dos finalistas dos prémios Dagger Award e Costa Book Award, ambos na categoria de primeira obra, e foi traduzido para dezasseis línguas. Actualmente, a escritora vive e trabalha no País de Gales.


17/08/2016

Porto Editora publica biografia oficial dos GNR

Banda sobe pela primeira vez ao palco da Casa da Música para apresentar esta obra 

Em 2016, os GNR celebram 35 anos de carreira e assinalam este marco com o lançamento, no dia 20 de setembro, de uma biografia oficial sobre a longa carreira de referência em Portugal.
Da autoria de Hugo Torres (jornalista do Público), o livro mostra tudo sobre a história daquela que é uma das mais originais, relevantes e irreverentes bandas portuguesas das últimas quatro décadas.
Para apresentar a obra, e também no dia 20 de setembro, Tóli César Machado, Rui Reininho e Jorge Romão sobem, pela primeira vez, ao palco da Sala Suggia, na Casa da Música, referência incontornável da cultura da cidade na qual a banda nasceu.
O evento de lançamento da biografia dos GNR, tal como a própria banda, será totalmente inovador e marcante. Nesta apresentação, o livro serve de base a uma entrevista – realizada ao vivo com os três elementos dos GNR e conduzida pelo apresentador Pedro Fernandes – que percorre os momentos mais relevantes no percurso do Grupo Novo Rock.
Uma noite irrepetível, de celebração, confissões, afetos e partilhas deve ser acompanhada de música. Assim, criando o ritmo certo para a conversa, a banda do Porto apresenta, ao vivo, quatro temas – um por cada década de história – e ainda uma surpresa de aniversário.
O evento de lançamento da biografia dos GNR é aberto ao público. Os bilhetes custam 10€ e estão disponíveis a partir de 16 de agosto, na Casa da Música.
 

As Sombras da Dúvida - Todas as famílias têm um segredo por desenterrar, de Tom Rob Smith



As Sombras da Dúvida
Tom Rob Smith
Páginas: 280
PVP: 17,50€

Todas as famílias têm um segredo por desenterrar.

Com um telefonema, tudo muda.

«A tua mãe não está bem», diz o pai a Daniel. «Tem andado a imaginar coisas. Coisas terríveis… Teve um esgotamento psicótico e foi internada num hospital psiquiátrico.»

Confrontado com esta notícia, Daniel prepara-se para partir apressadamente para a Suécia, no primeiro voo disponível. Contudo, antes de entrar no avião, o pai volta a ligar-lhe, com notícias ainda mais preocupantes: a mãe teve alta do hospital, e ele não sabe onde ela está.

Entretanto, Daniel recebe uma chamada da mãe: «De certeza que o teu pai já falou contigo. Tudo o que esse homem te disse é mentira. Não estou louca. Não preciso de um médico. Preciso da Polícia. Estou prestes a embarcar para Londres. Vai ter comigo.»

Sem saber em quem acreditar ou confiar, Daniel vê-se relutantemente no papel de juiz e júri da sua mãe, quando ela lhe revela uma história angustiante de segredos e mentiras, e de um crime e de uma conspiração terríveis, nos quais o seu próprio pai está envolvido.

As Sombras da Dúvida é o novo bestseller internacional do autor de A Criança N.º44.   
 
Citações

    «Smith construiu uma história engenhosa e cativante, que parte em direções inesperadas, complicando e adensando um enredo cuidadosamente tecido. Uma leitura que nos apanha sempre desprevenidos.» | Seattle Times

    «As Sombras da Dúvida mantém um registo extremamente dramático entre Londres e a Suécia, através de uma absorvente e imprevisível série de revelações a respeito de falsidades e fantasias.» | Philadelphia Inquirer

    «As vozes paralelas são cativantes, alternando verdade e conjetura de uma forma que nos confunde. Entre mistério e confissão, As Sombras da Dúvida está repleto de segredos. Fascina-nos, intriga-nos. Respire fundo e mergulhe com uma mente aberta.» | Shelf Awareness

    «Haverá algo mais desestabilizador do que a perceção de não podermos confiar na nossa própria mãe? Talvez a perceção de que também não podemos confiar no nosso pai. Esta é a premissa arrasadora de As Sombras da Dúvida, um thriller psicológico de Tom Rob Smith que assenta no receio de perdermos um dos nossos pais.» | New York Times Book Review

    «Arrepiante, hipnótico e completamente viciante. O leitor não há de ler um thriller melhor este ano.» | Mark Billingham

Sobre o autor:
Tom Rob Smith licenciou-se na Universidade de Cambridge em 2001 e vive em Londres. O seu primeiro romance, A Criança N.º 44, foi um bestseller do The New York Times e um grande sucesso editorial a nível internacional.
Entre as suas muitas distinções, A Criança N.º 44 ganhou o ITW Award para Melhor Primeiro Romance em 2009, o Prémio da Crítica para o Melhor Primeiro Romance da Strand Magazine em 2008, o CWA Ian Fleming Steel Dagger Award, e foi nomeado para o Man Booker Prize.


A Torre de Espinhos, Blackthorn & Grim - Livro 2, de Juliet Marillier



Opinião:
Gostei muito do primeiro livro O Lago dos Sonhos, por isso não podia perder a continuação. Em minha justiça tenho a dizer que nem eu própria ainda acredito muito bem que estou a gostar de ler este género literário, este é o terceiro livro que leio da autora.
No livro O Lago dos Sonhos fiquei rendida aos personagens Blackthorn e Grim, na continuação em A Torre de Espinhos, vão enfrentar novos desafios quando saem da tranquilidade do seu lar para ajudar Lady Geiléis, a Senhora de Bann, cujas terras estão no poder de uma estranha maldição.
E a autora foi mais uma vez eximia a desenrolar esta história, o mistério em torno desta maldição e da estranha criatura que está presa na torre de espinhos que deixa o reino na miséria, em desespero e em sofrimento desde o nascer ao pôr do sol.
Blackthorn e Grim, um par improvável, tentam arranjar uma solução, para quebrar esta maldição, mas vão se deparar com entraves, não será fácil de resolver, pois a ajuda deles é travada por mentiras e meias verdades da parte de Geléis, uma personagem que nos irrita ao longo do livro, pois pede ajuda, mas não colabora, o que nos faz perguntar várias vezes o que é que esconde? Porque é que os engana?
A autora mantém-nos em suspense, pois lentamente vai revelando os segredos que escondem esta maldição, nós leitores ficamos ansiosos por passar as páginas tal é a curiosidade em saber o que está por detrás daquela torre e o que se passou.
Neste livro Grim esteve mais em destaque, Blackthorn ficou em segundo plano, tinha sido levantado o véu sobre o seu passado no livro anterior, e agora gostei de saber algumas coisas do passado de Grim, entender porque é que se esconde e não quer que saibam quem é, nem à sua companheira conta sobre o seu passado obscuro, prefere manter o mesmo fechado, enquanto é assombrado por demónios, mas o que se fica a saber sobre ele, é que por detrás daquele homem que aparenta ser simples sem grandes conhecimentos, está alguém muito interessante.
Ler Juliet é fazer uma viagem por um mundo muito próprio, que só ela consegue criar, é embrenhar-nos por fantasias e lendas, misticismos e magia, temas que não me diziam grande coisa, mas esta autora conseguiu surpreender-me ao agarrar-me do inicio até ao fim com as suas histórias.
Se procura livros de fantasia repletos de personagens irresistíveis, com enredos mágicos e empolgantes que facilmente visualizamos, então leia Juliet Marillier.
Resta-me aguardar o terceiro desta trilogia.